Zumbilândia: Atire Duas Vezes - Ah! E por falar nisso...

segunda-feira, 21 de outubro de 2019

Zumbilândia: Atire Duas Vezes

O primeiro passeio pela Zumbilândia foi tão divertido, que é surpreendente que Hollywood tenha levado exatos dez anos para visitar o debochado mundo zumbi novamente. Por outro lado, é satisfatório perceber que o retorno foi bem planejado, com o retorno de elenco, diretor e equipe.

Columbus (Jesse Eisenberg), Tallahassee (Woody Harrelson), Wichita (Emma Stone) e Little Rock (Abigail Breslin) continuam buscando um lar nos Estados Unidos tomados por zumbis. Mas dez anos se passaram e Little Rock, agora adulta, está cansada da rotina de sua família disfuncional e foge em busca de novas aventuras. Forçando o trio restante a pegar a estrada novamente, encontrando novos sobreviventes e enfrentando um tipo evoluído de zumbis.

Sim, o formato é praticamente o mesmo do filme original. É a presença de novos personagens e desafios que evita que Zumbilândia: Atire Duas Vezes seja uma mera repetição do longa anterior. Situações que hora são novas, mas muitas vezes brincam com o que fora estabelecido no primeiro filme. Agora a produção não faz piada apenas com o sub-gênero de zumbis, mas com o próprio universo. A intenção ainda é divertir, e reencontrar os personagens que nos conquistaram tão facilmente.

Harrelson, Eisenberg e Stone trazem de volta seus personagens exatamente como eram, o caipira bom em matar zumbis, o nerd ansioso e sistemático, e a garota durona que não deixa ninguém se aproximar. A diferença fica por conta de sua relação mais afiada após dez anos de convivência. É a personagem de Breslin quem mais mudou, saindo da pré-adolescência para a idade adulta. Apesar de sua mudança mover a trama, Little Rock é a mais apagada do elenco original, com um jeitinho aborrecido mais típico de uma adolescente, que de uma jovem adulta que ela alega ser. (Cada um amadurece em sem tempo, né!)

Entre o elenco novo, Rosário Dawson entrega a presença carismática de sempre. Enquanto Luke Wilson e Thomas Middleditch, seguram uma excelente piada, que seria ainda melhor se não tivesse sido apontada nos trailers. Avan Jogia entrega um personagem propositalmente irritante. Mas é Zoey Deutch quem se destaca, Madison é a típica caricatura da loira descerebrada e por isso teria tudo para soar repetitiva e sem graça. Entretanto, Deutch entrega uma interpretação empolgada e sem receios de soar ridícula, além conseguir estabelecer uma boa dinâmica com o grupo veterano, o que a torna a melhor nova adição desta sequência.

A direção de Ruben Fleischer, que também dirigiu o primeiro, é caprichada e eficaz nas cenas de ação. Estas são ágeis, compreensíveis e criativas. Com destaque para um plano sequencia de tirar o fôlego, e para a utilização massiva dos letreiros das regras. Os textos já apareciam no original, e aqui ganham ainda mais ousadia e interação com a trama.

De volta à trama, seu desenvolvimento é bastante previsível, a inserção a influência de Elvis soa forçada em alguns momentos. Mas o que é um filme de terrir, se não a forçação de elementos ao ponto do absurdo, para fazer o humor com isso. E o que Zumbilândia: Atire Duas Vezes perde em originalidade, ganha em 'nonsense' e na agilidade da narrativa. Já estamos familiarizados com o mundo zumbi, podemos ir direto à ação sem parar para explicar tudo. Aqueles que não acompanharam o primeiro, perdem sim algumas piadas, mas não ficam completamente à deriva, já que o tom é determinado e as principais regras são relembradas logo nos primeiros minutos de filme.

Zumbilândia: Atire Duas Vezes não adiciona muita coisa ao universo, e nem pretendia. É uma produção criada assumidamente para quem gostou do primeiro filme, público e equipe, o elenco visivelmente está se divertindo com o reencontro. É como uma revisita a um lugar onde você se divertiu muito de férias uma década atrás, mas ao invés da de princesas e montanhas-russas, a diversão aqui é matar zumbis da forma mais divertida e inusitada possível.

Zumbilândia: Atire Duas Vezes (Zombieland: Double Tap)
2019 - EUA - 99min
Terror, Comédia, Ação


P.S.: Tem cenas pós-créditos!

Nenhum comentário:

Post Top Ad